Estudo sobre o Livro de Apocalipse Capitulo 1– Por Ap. Yves Garcia

Este estudo é base das ministrações realizadas em nossa congregação Betel todas as quartas-feiras a noite, e surge como uma motivação pessoal dada por D-us para edificação do corpo do Messias Yeshua(Jesus), percebendo principalmente os Desafios de termos uma Congregação Forte e conhecedora das escrituras e como resultado Maturidade de Fé.  Como sempre gosto muito de entender o Contexto dos Livros e suas entrelinhas, assim é como estaremos estudando o Livro de Apocalipse, capítulo por capítulo e quase versículos por versículo, deste modo toda semana terá publicações novas de cada capítulo em nosso blog e no Grupo MASF-BRASIL, minha oração é que D-us o Eterno

em Cristo nos Capacite para esse grande desafio de estudar esse maravilhoso Livro, e quero registrar minha sincera alegria a todos os discípulos de
Cristo que participam toda semana dos estudos, vocês me fazem ser útil para o Reino de D-us.

Apocalipse 1:1

REVELAÇÃO de Yeshua o Messias, a qual Deus lhe deu, para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou, e as notificou a Yochanan seu servo;

Todos os estudiosos e a própria tradição são unânimes em atribuir a autoria do livro ao apostolo amado Yochana(João), quando vivia em grande perseguição pelo império romano no comando do Imperador Domiciano, por volta de 95 d.C. Entendo assim que há realmente uma certa semelhança entre o Evangelho de João e apocalipse pois de certa forma também fala da divindade e glória do Messias. Uma das minhas motivações em escrever esses estudos é por tantas linhas Teológicas e Filosóficas que dão interpretações muito longe do contexto entre a Primeira Aliança e Novo Testamento, causando uma grande complexidade na compreensão do Livro de apocalipse, irei me deter dentro do contexto da própria bíblia, tendo em mente o contexto histórico em que essa comunidade vivia e que esses líderes crentes do primeiro século eram Judeus. Neste estudo tentarei mostrar aqui que conseguir captar, não quero em hipótese alguma transparecer algum tipo “super conhecimento”, pois todos entendemos que existem muitos ponto difíceis de se compreender desse livro, conto com sua compreensão. Acredito que esse livro além de ter aspectos das profecias que já tenham se cumprido no primeiro século, não tira a Real possibilidade de ter sido escrito para um tempo ainda futuro, ou seja, para os últimos dias onde ele derramará seu Juízo sobre esse mundo. Este livro faz diversas alusões ao TANAK(Primeiro Testamento), como: Êxodo, Isaias, Jeremias, Ezequiel, Zacharias e Daniel, sem duvida o propósito dessas alusões é sem Duvida dar a LEGITIMA CONFIRMAÇÃO, que as revelações vieram diretamente de Deus e estão baseadas nas promessas Dadas aos Profetas de Israel com relação a RESTAURAÇÃO de todas as Coisas, ou seja, O Livro de Apocalipse confirma essas profecias.

coisas que brevemente devem acontecer…

Grande alerta para a esperança que os próprios apóstolos tinham, de uma vinda iminente de Jesus, como ladrão, (2Pedro 3:10), desde modo esse deve ser nosso relacionamento com nosso Senhor, viver a cada dia, a cada hora, a cada minuto e a cada segundo, na expectativa de seu retorno, ou seja,  buscando uma vida de SANTIDADE, de modo a não ser surpreendido em sua vinda, pois se eu morresse hoje, é como eu estivesse vivendo um “arrebatamento”, e iria se encontrar com o Senhor.

Apocalipse 1:2

O qual testificou da palavra de Deus, e do testemunho de Yeshua o Messias, e de tudo o que tem visto.

A Palavra de D-us aqui é o Evangelho e ela não volta Vazia, Isaias 55:11 diz: Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.

Apocalipse 1:3

Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.

Isso é algo maravilhoso que é pouco enfatizada em nossas igrejas, Lê, Ouvir e Cumprir o que esteja escrito na palavra de D-us, ou seja, devemos confirmar nossa Fé Diante de D-us e dos Homens através das Boas Obras, através do fruto do Espírito e Dons do Espírito.

ouvem as palavras desta profecia…O Tempo está próximo…

Percebemos aqui D-us fazendo de João um Profeta, pois recebe as visões de D-us e fala da maneira que o Senhor Falou, deste modo o Autor como Profeta reafirmar que o livro de Apocalipse tem o mesmo grau de Inspiração que os demais livros proféticos do primeiro Testamento, assim D-us restauraria o Dom de Profecias nos tempos do novo testamento conforme atos 11:27-28: E naqueles dias desceram profetas de Jerusalém para Antioquia. E, levantando-se um deles, por nome Ágabo, dava a entender pelo Espírito, que haveria uma grande fome em todo o mundo, e isso aconteceu no tempo de Cláudio César. D-us diz o tempo está próximo, sabemos que para D-us cem anos é como um dia, Ele nos orienta e nos mostra que a vida do homem aqui é breve, e Ele tem pressa para que as vidas se entreguem a Ele e se arrependam, se você ainda não entregou sua vida nas mãos do Senhor à hora é agora, e não importa como estar, venha e Ele irá te abençoar e te tornar Justo e Santo na presença dEle.

Apocalipse 1:4

João, às sete igrejas que estão na Ásia: Graça e paz seja convosco da parte daquele que é, e que era, e que há de vir, e da dos sete espíritos que estão diante do seu trono;

Se analisarmos as escrituras de modo geral, percebemos que existe uma mensagem muito profunda em relação ao numero sete, não são poucas as passagens que nos mostram isso, exemplo disso é o dia de descanso o Shabat,(Êxodo 20:8-10), o ano de shemittah(Remissão), que era quando deveria dar descanso a terra, (Levitico 25: 3:7), José previu sete anos de abundancia e fome(Genesis 41), entre outras passagens que mencionam o numero sete. Então percebemos que quando o sete aparece ele denota uma idéia de perfeição, conclusão, finalizado, e até por que não uma idéia de recomeço, é como se D-us dissesse: agora foi concluído, mas, virá uma nova etapa após essa conclusão. Mas nessa passagem surge a clara idéia de que D-us está para manifestar seu julgamento perfeito sobre toda a humanidade. Como a Bíblia nos revela: Daquele que Era, é, e há de vir, trás a memória a Êxodo 3:14, que D-us se identifica como “aquele que será sempre aquilo que queremos que Ele seja em Nossas vidas”,  

e da dos sete espíritos que estão diante do seu trono… Não acredito que se trás a idéia de pluralidade de deuses, pois iria contradizer um princípio essencial da Fé Bíblica, ou seja, não terás outros “deuses diante de Mim”. Acredito também que não faz referencia aos anjos, pois o anjo proíbe João de adorá-lo, (Ap. 19: 10 / 22:8-9), eu concordo com Dr. David H. Stern, que diz que tem mais sentido se referir a plenitude da presença de D-us pelo seu Espírito na Vida dos Crentes, pois seu Espírito se relaciona muito bem com o numero sete, (Isaias 11: 2 e Zacharias 4: 2-10). Glória D-us, Adonai é PERFEITO.

Nos versos 5-6, nos fala da Grande vitoria de Jesus na Cruz, esteve com seu corpo morto, mas ressuscitou, e vive, e neste exato momento nos fez sacerdote, para servirmos dia-a-dia a D-us em Espírito e em Verdade, assim em nosso Templo, ou seja, em nosso corpo, assim como era nos tempos que existia o templo em Jerusalém onde ali D-us era adorado, Exaltado, e buscado 24 horas por dia, pelos serviços sacerdotais. Diz-nos que Jesus é o primogênito dos que dormem, concluímos que Ele foi o primeiro ressuscitar e teve um corpo Glorificado.

Apocalipse 1:7

Eis que vem com as nuvens, e todo o olho o verá, até os mesmos que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém.

Irmão o texto acima faz alusão a profecia de Zacharias 12:10 que diz: Mas sobre a casa de Davi, e sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para mim, a quem traspassaram; e pranteá-lo-ão sobre ele, como quem pranteia pelo filho unigênito; e chorarão amargamente por ele, como se chora amargamente pelo primogênito. A Teologia da substituição que prega que D-us abandonou Israel e HOJE a igreja é o Israel Espiritual de D-us, diz que na volta de Jesus, os Judeus irão lamenta por não ter aceitado o Messias de D-us e irão chorar como se não pudessem mais ter NENHUMA POSSIBILIDADE DE SALVAÇÃO, eu digo que isso não se harmoniza com o contexto das escrituras, primeiro por que D-us tem uma aliança com os patriarcas, Abraão Avinu, Isaque e Yacov, deste modo Israel jamais deixou de ser o povo de D-us, pois a sua Eleição é definitiva, conforme o Apostolo Saul, diz em Romanos 11, e Jeremias 31: 34-40, irmãos se lermos as escrituras com uma mente voltada para Israel assim com os apóstolos tiveram, não teremos dificuldade de compreender as escrituras, e JAMAIS cairemos nos erros dos Teólogos da Substituição que Espiritualização toda a Primeira aliança, para Justificar que D-us não tem mais nada com Israel. Então neste texto que Diz que eles(Judeus) irão chorar, eu acredito que será um choro de arrependimento, pois a passagem abaixo confirma isso:  Zacarias 13:1

1 – NAQUELE dia haverá uma fonte aberta para a casa de Davi, e para os habitantes de Jerusalém, para purificação do pecado e da imundícia. Meno Kalisher que é um Judeu Messiânico em suas palestras diz que quando o texto das escrituras dizem, Naquele Dia, Faz referencia a segunda vinda do Messias ou ao Próprio Milênio, eu entendo também que essa fonte aberta que jorrará para casa de Davi é a própria presença do Messias habitando em cada Judeu, cumprindo assim os propósitos de D-us em Restaurar Israel. Mas também nessas passagens acima citadas eu acredito também que D-us salvará os povos que sobreviverem a esses tempos finais, afinal D-us não enviou Jesus só para restaurar Israel, Mas Ele ama também as Nações, Baruch Hashem(Bendito seja o Nome).

Apocalipse 1:8

Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso.

Aqui Jesus é Identificado com D-us, D-us diz que é, era, e Vem, pois os Anjos foram criados para Adoração a D-us, mas seguem Yeshua(Jesus), Ler Ap. 19:14. Agora uma percepção minha, assim com no alfabeto Grego começa com a Letra Alfa e terminha com Ômega, e no Hebraico Alef e Tav, D-us deu um inicio ao Mundo e irá concluir seus propósitos neste mundo, e Yeshua é fundamental para esse propósito, Implantar Literalmente o Reino de D-us. Essa passagem me traz a memória o livro de Daniel, pois ali no capitulo 7, Daniel começa a lamentar os pecados do Povo e interceder junto a D-us pelo seu povo, e D-us dá as 70 semana de Daniel, e ensina e mostra ao profeta que a Diáspora Judaica teria fim a contar a partir da Restauração do Povo a Terra e a manifestação do Messias.

Apocalipse 1:9

Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Yeshua o Messias, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Yeshua Hámashiach.

João Identifica o Local no qual estava, pois essa ilha de Patmos era o local no qual ficavam os prisioneiros considerados pelo Império Romano, essa prisão em Patmos ficava fora da costa da Turquia. Irmãos devemos ter em mente que esse período foi um dos piores para esses Crentes do Primeiro Século, e o motivo no qual João Atesta de está nesta Ilha preso era porque não só testemunhava de Cristo, mas porque Proclamava o Reino de D-us, e Anunciava o Messias Judeu Yeshua, e isso era considerado Crime, até porque o império já havia destruído muitos judeus e o  próprio Templo em Jerusalém.

Apocalipse 1:10

Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta….

Essa passagem é uma das que Roma usou para arrancar uma identidade que esses apóstolos do primeiro século haviam dado a Igreja de Cristo, ou seja, uma identidade ligada ao povo Judeu, tendo como cidade não Roma e sim JERUSALÉM. Essa passagem é usada para mostrar que Sábado foi mudado como dia de descanso e adoração para o Domingo, analisando não creio desta maneira, veja que eu não estou condenando alguém adorar no domingo muito menos descansar, até porque isso não irá levar ninguém a Salvação, não estou me referindo a salvação, mas como eu disse, tenho em mente o contexto das escrituras , como João era Judeu, acredito que a Intenção de João dizer que foi arrebatado em Espírito no dia do Senhor, não está querendo dizer que agora o dia de adoração foi mudado, entendo que pode estar fazendo referencia ao próprio Shabat, pois Jesus nos evangelhos diz que ele é o Senhor do Shabat, pode também mostrar que a revelação se refere ao Dia do Senhor como nos Dias Vindouros profetizado pelos profetas do primeiro testamento, ou de fato fazer menção ao primeiro dia da semana domingo. Agora a discussão surge pelo fato da palavra ali Kuriakê citada é rara, apenas outra citação aparece em 1Cor 11:20, que se refere a refeição noturna, de qualquer modo, isso não seria motivo para se entender que nessa passagem o Shabat foi mudado, essa é uma mensagem Romana, que nossas Igrejas Evangélicas de Modo Geral seguem sem ter se dado conta. Sabemos que vivemos num país que não segue o shabat, então eu não quero que os irmãos que tem essa revelação da guardam do Shabat deixem de trabalhar e também os que estudam até sábado, principalmente se tiverem que trabalhar nesse dia, acredito que o que importa para D-us é o seu coração, se esse for o desejo do seu coração, Adonai irá abençoá-lo e você não precisará mais trabalhar nesse dia nem estudar. Agora eu digo se D-us santificou esse dia e quem assim o guarda, as bênçãos do Shabat recaem sobre ele, com diz o Senhor: fazei prova de Mim.

Apocalipse 1:11-12

Que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, e a Esmirna, e a Pérgamo, e a Tiatira, e a Sardes, e a Filadélfia, e a Laodicéia. E virei-me para ver quem falava comigo. E, virando-me, vi sete castiçais de ouro;

Aqui é dada a ordem de escrever tudo o que Ele iria ver e enviar as sete comunidades de Crentes na Ásia, essas localidade formavam uma espécie de elo, ao percorrê-las, voltando ao mesmo ponto. E o interessante que após ele ouvir a voz, Ele vê 7 castiçais ou Menorás, as Menorás eram utilizadas no Templo, eram dotadas de Óleo que serviam de combustível para iluminar onde o serviço era executado, assim somos comparados com essas Menorás, se não tivermos em nossas vidas o Óleo do Senhor não podermos iluminar lugar algum.

   

Apocalipse 1:13-20

E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas. E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece.  E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último;  E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno. Escreve as coisas que tens visto, e as que são, e as que depois destas hão de acontecer; O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas.

Esse título de filho do homem era muito usado por Jesus, ele mesmo se identificava como tal. O simbolismo a luz das escrituras talvez não seja tão complicado de entender, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. Essa veste se assemelha muito com a do Sumo Sacerdote, assim como é relatado no livro de Hebreus, hoje neste exato momento Jesus está intercedendo por toda humanidade diante de D-us e atento a Oração de um coração quebrantado e Contrito. E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; Interessante que o texto cita Jesus de Cabelos branco assim como a visão de Daniel 7-9:10 Um Ancião, Identificando Jesus com D-us, seus olhos como chamas de fogo pode fazer referencia ao Juízo contra o pecado.

E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas.  A Voz de Yeshua é alta e Majestosa. E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece.  Uma espada aguda de dois gumes relembra a passagem de Isaías 49:1-3

1 – OUVI-ME, ilhas, e escutai vós, povos de longe: O SENHOR me chamou desde o ventre, desde as entranhas de minha mãe fez menção do meu nome.

2 – E fez a minha boca como uma espada aguda, com a sombra da sua mão me cobriu; e me pôs como uma flecha limpa, e me escondeu na sua aljava;

3 – E me disse: Tu és meu servo; és Israel, aquele por quem hei de ser glorificado. Aqui Jesus é identificado com o povo Judeu, de modo a cumprir as promessas dada a Israel as Nações. De fato Jesus é visto de Modo glorioso. João ao contemplar não resistiu a Shekinah de D-us e cai como morto aos seus pés, assim como os profetas que contemplaram a Glória de D-us. E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno. Foi crucificado e “Morreu”, mas ressuscitou Gloriosamente, tem a chave da morte e do Inferno, ou seja, possui autoridade sobre a morte, ele pode libertar da morte eterna aqueles que o buscam.  Escreve as coisas que tens visto, e as que são, e as que depois destas hão de acontecer…Aqui percebemos que o livro de apocalipse aborda tanto os acontecimentos dos tempos de João, como o presente e o futuro da humanidade. O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas. Aqui é explicado que significa as sete Estrelas que são os anjos e os Setes Castiçais que são as Igrejas de Cristo. Agora fica a pergunta, será que os anjos das Comunidades são os Pastores? De qualquer modo iremos ter uma idéia melhor nos capítulos 2 e 3.

Referencias:

Bíblia Judaica Completa – Dr David H. Stern

Comentário Judaico do Novo Testamento – Dr. David H. Stern

Bíblia de Estudos Proféticos – Tim LaHaye

Bíblia de Estudo Defesa da Fé – CPAD

Novo Testamento King James – Edição de Estudos

Comentário Bíblico NVI – F.F Bruce

Comentário Bíblico Popular – William Mac Donald

Bíblia Hábil 3.0.

Imagens: http://prdavifreitas.blogspot.com.br/2010_11_14_archive.html

http://www.santajerusalem.com/br/menora/menora-estrela-de-david-pequena-30cmx20cm.html

Anúncios

Deixe uma resposta